Última atualização: 11/11/2019 14:05

 

O mês de outubro em Blumenau apresenta uma elevação dos índices pluviométricos se comparado com os meses anteriores, com média mensal próxima de 135mm. Dentre os principais sistemas meteorológicos que provocam chuva nesta época do ano estão os cavados (áreas alongadas de baixa pressão), sistemas de baixa pressão, frentes frias e circulação marítima. Além disso, o aquecimento diurno e a alta umidade atmosférica contribuem para a ocorrência de chuva convectiva, que estão frequentemente associadas a trovoadas, descargas elétricas, chuva intensa de curta duração e queda de granizo. O volume de chuva em outubro de 2019 ficou ligeiramente abaixo da média com total de 113,8mm. A figura 1 mostra os volumes mensais de chuva registrados nas estações pluviométricas do município.

 

Figura 1: Acumulados de chuva nas estações pluviométricas do AlertaBlu/PMB em outubro de 2019;

 

A chuva ocorreu de forma mal distribuída no decorrer do mês como pode ser visto na figura 2, que apresenta a chuva diária no mês de outubro obtida pela média dos volumes registrados pelas estações pluviométricas do AlertaBlu. O maior acumulado diário ocorreu no dia 27 e foi causado pela atuação de um cavado associado passagem de uma frente fria pelo litoral de SC.

Figura 2: Acumulados de chuva diária e somatório em Blumenau no mês de outubro de 2019;

 

No dia 25 de outubro, áreas de instabilidades associadas  à atuação de um cavado (área alongada de baixa pressão) e intensificadas pelo aquecimento superficial (calor) causaram uma tempestade de granizo com impactos ao município. Embora houvesse calor próximo a superfície, nos médios níveis da atmosfera havia ar bastante frio, uma vez que o nível de congelamento (altitude a partir do qual as gotas se congelam) estava abaixo de 4000 m, sendo que o normal nesta época seria estar acima desse limiar. Este fator possibilitou o congelamento efetivo das gotas de chuva presentes nas áreas de instabilidade, favorecendo a formação de granizo de tamanho médio a grande (diâmetro de 5 a 7 cm). As áreas de instabilidade se formaram próximo a Presidente Nereu por volta das 15h30 local e àss 17h20 local atingiram o sul do município de Blumenau (região Garcia). Já às 17h30 local, granizo de tamanho médio a grande atingia a região central e arredores, conforme mostra a Figura 3.

 

Figura 3: Imagem do radar do Morro da Igreja/SC do dia 25 de outubro às 17:30 hora local. Fonte: Redemet;

 

Além disso, o mês de outubro apresentou temperaturas mínimas e máximas acima da média climatológica (Figura 4), com dias quentes intercalados com dias de baixa amplitude térmica, sendo que esta evidencia a influência da circulação marítima nesse período. As maiores temperaturas registradas foram de 37,5°C no dia 30/11 e 37,3°C no dia 13/11. Em ambos os dias, um padrão de vento de noroeste/norte evidenciavam uma condição chamada de pré-frontal, quando ar mais aquecido do norte do país é transportado em direção ao Vale do Itajaí, resultando em tardes bastante abafadas em Blumenau.

 

Figura 4: Temperaturas em Blumenau no mês de outubro de acordo com a estação meteorológica do AlertaBlu/PMB, localizada no Parque Ramiro Ruediger;

 

Allef Matos / Tatiane Martins
Meteorologistas - AlertaBlu